Fatiador de cubos de legumes

Todo mundo é ótimo. Na sociedade, somos um grupo, parte de um todo geralmente aceito. Apresentamos algumas semelhanças, idéias comuns em uma esfera diferente do modo de vida, também estamos associados à única tradição e história. Isso nem sempre significa que somos todos iguais. Um grupo de funcionários é um grande grupo, que é um sistema de unidades não-confiáveis ​​e completamente individuais. Todas as normas têm uma idéia maior ou menor para o funcionamento geral da comunidade; cada valor, de maneira menor ou maior, contribuiu para a troca da história de toda a família.

Os homens são um conjunto de unidades individuais que, embora existam boas características comuns, que geralmente podem ser definidas como um conjunto de normas limpas e comportamentais geralmente aceitas. O que, no entanto, é alcançado no caso em que existem pessoas que diferem radicalmente? Pelo que eles são caracterizados? A diferença de fato contemporâneo pode ser considerada positiva?

Pessoas que são incapazes de cumprir princípios geralmente aceitos e se aplicam adequadamente na sociedade são definidas como todas com transtornos de personalidade. Existem muitas maneiras pelas quais os distúrbios de personalidade são descritos pelos cientistas, mas eles mostram algumas características comuns. Resulta do último que as mulheres que sofrem de um distúrbio:

padrões de comportamento profundamente enraizados e preservados, cuja vez é facilmente impossível sem um senso de qualidade no qual um determinado indivíduo se encontrará,baixa flexibilidade de resposta a várias situações públicas e por si só,extrema ou grande discrepância no contato com normas comumente aceitas por uma determinada cultura,subjetivamente relacionados à propriedade ou dificuldades no sucesso dos objetivos da vida.

Então, como você pode ver, todas as notícias na alma de um homem terminam quando uma mulher se torna um ser que projeta e dá nossas opiniões e durante a puberdade. Portanto, é quase impossível surgir os distúrbios de uma pessoa durante a primeira infância. Nem todos os tipos de diferenças dentro do grupo significam transtornos de personalidade emergentes e existentes. Apesar dessas não tratadas, elas podem causar não apenas uma falta de adaptação na sociedade, mas também as conseqüências correspondentes, porque não é incomum que as mulheres que sofrem de transtorno de personalidade cometam crimes inconscientemente ou se percebam.